quarta-feira, 2 de março de 2011

Cama de Garrafa suporta 500 quilos

Exposição PETI

A infância, que foi quase arrancada devido ao trabalho precoce, hoje dá asas à imaginação de cerca de 300 crianças que fazem parte do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI de São Sebastião AL.
Dia 17 de Dezembro o Programa abriu a exposição de trabalhos confeccionados pelas crianças durante o decorrente ano de 2010; na mostra lindos trabalhos com reutilização do lixo, atividades lúdicas, recreativas, esportivas e educativas fazem parte da rotina dos alunos do PETI, que diariamente freqüentam o turno normal do currículo escolar e no contraturno.

Reutilização do lixo

Reaproveitamento do lixo: Papel, plásticos, latas, tecidos e garrafas PET. 
Tudo vira arte! 
Lavoisier em sua célebre frase ‘Nada se perde, nada se cria, tudo se transforma’ deixou imortalizada a ideia de que é preciso entender a conservação de todas as massas, corpos, matérias. Afinal, do pó viemos ao pó retornaremos. Assim, acontece com todos os seres. Mas como ficam com os materiais não-biodegradáveis? Como fica o meio ambiente em meio ao caos do lixo tóxico que demora centenas de anos para se desintegrar?
Bom, além de alternativas como reciclagem e reaproveitamento, existem outros meios encotrados por artistas que reutilizam a matéria não orgânica para passar uma mensagem, um sentimento. O presente trabalho que vos trago retrata bem como é possível usar lixo para recriar um mundo, uma história, uma arte!
Aqui são peças,
com reutilização de embalagens plásticas vazias como shampoo, iogurtes, amaciantes, cremes hidratantes entre outros. Nem dá para acreditar, mas é a pura verdade!

Peças produzidas com plásticos e garrafas Pet

Projeto lixo vira arte

Seguidores