terça-feira, 21 de maio de 2013

Sapatos velhos? Não mais


Customizando Sapatos.



As vezes temos aquele sapato que adoramos guardado lá no cantinho do armário, mas ele não está mais na moda, ou danificou o salto e você ficou com maior pena de jogar fora. Pensando nisso...

Segue abaixo algumas ideias:










Não encontrei spikes avulsos, por isso comprei aquelas pulseiras “dos punk” que tem spikes com parafusos. É só desroqueá-los com uma chave de fenda.
A parte de trás da bota é a parte em que o couro é mais duro, consequentemente, mais difícil de furar. Mas é só fazer um pouco de força que dá. Eu furei primeiro de fora para dentro, porque precisava marcar onde seriam os furos.  Depois de dentro para fora, para que as dobras do couro não atrapalhassem na hora de passar o parafuso.
A parte maior da argola tem que ter o tamanho aproximado ao da “cintura” do spike para não correr o risco de soltar depois. Peguei uma corrente comprida, medi a distância que eu queria do chão e separei ela em várias correntes do mesmo tamanho. Usei cinco delas em cada argola.

Espelho com Moldura de Colher de Plástico.


Colher de Plástico.

Maravilhoso!!!

 É só ter um pouquinho de paciência e mãos a obra.



Segue o passo a passo:







@Reprodução


Dia 1: Cortar as colheres para fazer em seus círculos de papelão.
Dia 2: Usar cola quente para colar as colheres.
Dia 3: Pintar com o Spray para plástico da cor que desejar.
Dia 4: Fixe espelho e gancho, aí é só pendurar!

Jornal e revista para decorar a casa


REUTILIZAÇÃO COM JORNAL E REVISTAS...








Fotos para FRUTEIRA  DE MATERIAL RECICLADO

Maxi colar - Reaproveitando

diy-vintage-buttons-necklace-2-vert (1)

Sapatos feitos com jornal

Sapatos e bolsas feitos com jornais reciclados ganham as vitrines dos EUA e Europa


Jornais antigos podem ter um destino bem mais digno do que imaginamos. Pelo menos é o que acontece nas mãos da designer taiwanesa Colin Lin. Há um ano, ao se deparar com uma pilha gigantesca de jornais velhos, ela teve a ideia de utilizá-los para fazer acessórios em sua empresa de calçados ecológicos. Desde então, já vendeu cerca de 4 mil pares feitos com papel reciclado - modelos que ela diz serem os “must have” do momento, não só em Taiwan mas também em países  europeus e da América do Norte. Um par, que leva de 3 a 4 horas para ficar pronto, pode chegar a custar US$150. Já as bolsas demoram de 2 a 3 dias e custam em média US$260. 







A idéia é inovadora e criativa mas o mais legal foi a atitude ecologicamente correta da designer. Adorei!


Read more: http://www.nopreach.com/2010/08/sapatos-e-bolsas-feitos-com-jornais.html#ixzz2U4AqMDbH

Muito legal!


Cesta de Papel - Passo a Passo


Material necessário

  • Folhas de jornal ou revista
  • Cola branca
  • Tesoura
  • Cesta para servir de molde





Como fazer a cesta com papel



1) Corte o papel em tiras de aproximadamente 1 cm de espessura e 15 cm de comprimento. Enrole o papel como mostrado na foto acima e cole a ponta com cola branca. Você deve fazer vários rolinhos desse tipo.








2) Usando a cesta molde, comece a colar os rolinhos, um no outro, usando cola branca.












3) A ideia é super simples: basta ir colando um rolinho no outro seguindo o molde.










4) Depois de colar tudo, retire o molde e veja a sua cestinha pronta.

Jornal - muito útil!


Caixa organizadora de jornal


A ordem do dia é reciclar, então vamos aproveitar os jornais, que depois de lidos vão para o lixo.
O jornal é uma ótima matéria-prima para compor caixas organizadoras artesanais. Aprenda mais essa!
 
Materiais utilizados no passo a passo de reciclagem:• Caixa de papelão resistente
• Caixa térmica de EPS pequena
• Trincha Tigre nº 571- 3/4”
• Cola branca Poly Fix
• Corante à base de água na cor verde
• Tinta látex na cor branca
• Pregadores de roupa
• Folhas de jornal
• Palito de churrasco
• Tesoura
• Verniz geral
• Caneta
• Faca
 

Passo a Passo

Para fazer o canudo, corte uma folha de jornal em três partes iguais, usando a faca.
No canto da folha, posicione o palito de churrasco na diagonal e faça uma pequena dobra.
Enrole o palito para formar o canudo de jornal.
 
Ao terminar de enrolar, aplique a cola branca na ponta do canudo.
Para a base da peça, corte 2 abas da caixa de papelão no tamanho de 26 X 18 cm.
Espalhe a cola branca em um dos lados da base e cole-a no jornal.
 
Dobre as pontas para dentro e cole-as. Faça o mesmo com a outra base.
Coloque um canudo em cada canto da base.
Na lateral menor, coloque mais 3 canudos, como mostra a foto.
 
Sobre os canudos dos cantos, posicione mais um canudo.
Repita o passo na outra lateral menor.
 
No lado inferior, coloque mais 6 canudos, deixando o mesmo espaço entre eles. Lembre-se de deixar os canudos das pontas por cima dos canudos dos cantos.
Na outra lateral maior, coloque 7 canudos, deixando os canudos das pontas por cima dos canudos dos cantos.
Coloque um canudo junto com o primeiro canudo da lateral, para que ele seja o tecedor. É importante que o número de canudos pilares seja sempre ímpar.
Espalhe uma boa quantidade de cola branca sobre a peça.
Encaixe a outra peça da base por cima. Coloque qualquer tipo de peso em cima e deixe secar de um dia para o outro.
Após forrar a caixa de EPS com plástico, posicione a peça de jornal, deixando os canudos para baixo.
trabalho será começado pelo canudo tecedor – aquele posicionado junto ao canudo do canto.
Passe o canudo tecedor por baixo do próximo canudo.
Procure ajustar o canudo na borda das bases, como mostra a foto. E passe o canudo tecedor por cima do canudo seguinte.
Quando o canudo ficar curto, encaixe outro na ponta, aplicando um pouco de cola.
Continue o trabalho até completar a primeira volta. Como o tecedor começou por baixo, ele tem que terminar por cima do primeiro canudo.
Faça mais 16 carreiras nesta sequência.
Comece mais uma carreira. Quando chegar na lateral menor, deixe o canudo central livre e dobre-o por cima do último desta sequência.
Volte o tecedor, passando-o por baixo do anterior. Ou seja, você vai passá-lo ao contrário do que foi feito na carreira anterior.
Ao chegar na outra lateral menor, faça o mesmo passo: deixe o canudo central livre e volte o tecedor para o outro lado, intercalando. Ou seja, se na carreira anterior ele está por cima, agora, ele volta por baixo.
Repita este vaivém mais 5 vezes para começar a dar o formato do furo na lateral da caixa.
Use a tesoura para cortar o excesso do canudo tecedor.
Aplique um pouco de cola na sobra do canudo tecedor.
Encaixe esta ponta entre as tramas.
Para fazer o outro lado do furo, insira novo tecedor no canudo ao lado do central. Passe a cola e dê duas voltinhas sobre ele, para que a ponta fique virada para o lado oposto do furo.
Siga os mesmos passos para continuar o trabalho.
Faça as 5 carreiras para completar o outro lado do furo. 
Prossiga, dando uma volta completa na peça.
Nesta etapa, é normal o tecedor passar por cima de 2 canudos dos cantos.
Ao todo, complete 5 carreiras.
Terminadas as carreiras, corte a ponta do tecedor, espalhe a cola na ponta e esconda-a entre as tramas.
Agora, corte as pontas dos canudos com 5 cm de sobra.
Com cuidado, retire a peça do molde.
Esconda as pontas. Se o canudo tecedor passou por fora do pilar, dobre-o para fora.
Encaixe esta sobra, passando-o por entre 3 carreiras. Para isso, use a tesoura.
Se o canudo tecedor passou por dentro, dobre-o para dentro da peça e esconda-o entre as tramas.
Para a trança de acabamento, use 9 canudos com as pontas intercaladas.
Separe 3 grupos de 3 canudos. Cole os dois primeiros grupos com as pontas em diagonal.
O terceiro é colado entre os dois primeiros.
Comece a trança normalmente. Uma boa dica é trabalhar um canudo por vez.
Lembre-se de emendar os canudos até obter o tamanho desejado.
Aplique uma camada generosa para colar a trança em toda a borda da peça.
Corte o excesso da trança bem rente à outra ponta.
Espalhe a cola nas pontas da trança para que a junção fique perfeita.
Corte um pequeno retângulo de jornal para colar sobre esta emenda.
Para impermeabilizar a peça, misture 1/2 copo de água com 4 colheres (sopa) de cola branca e espalhe-a na peça com a trincha nº 571.
Misture o corante na tinta látex até obter o tom desejado. Use a mesma trincha para passar duas demãos.
31
 
 
 

Seguidores